DestaqueEconomia

Bolsa Família: Fim dos R$600? 5ª parcela termina hoje sem confirmar novo valor

145Visualizações

Beneficiários do Bolsa Família serão contemplados com último lote do auxílio emergencial. Ao longo desta segunda-feira (31), cerca de 1,9 milhões de pessoas deverão receber o pagamento de até R$ 600 do coronavoucher. Nesse momento, os contemplados serão aqueles cujo o último dígito do Número de Identificação Social (NIS) é 0. As formas de recebimento se mantêm as mesmas e ainda há uma expectativa de reajuste no cronograma a partir do próximo mês. 

De acordo com o cronograma atual, essa deveria ser a quinta e última parcela do auxílio emergencial para os segurados do Bolsa Família. O valor varia entre R$ 600 até R$ 1.200, sendo a maior quantia destinadas as mães chefes de família.

Esta segunda-feira (31), marca o último dia do 5º calendário pelo coronavoucher. Entretanto, os segurados poderão fazer seus saques em até 90 dias.

Formas de recebimento 

Para quem é do Bolsa Família, o auxílio emergencial está disponibilizado em saque direto. Isso significa dizer que, diferentemente dos demais grupos registrados pelo Cadastro Único, os cidadãos do BF não precisam ter acesso a poupança digital do Caixa Tem.

Dessa forma, para poder receber o benefício, basta ir até uma agência da Caixa Econômica Federal ou unidade das Casas Lotéricas. Para aqueles com o cartão cidadão em mãos, o valor pode ser retirado diretamente nos caixas eletrônicos.

Já para quem está sem o registro, basta ir até uma baia de atendimento e apresentar um documento oficial com foto. 

Calendário de pagamentos do Bolsa Família – 5ª parcela do auxílio emergencial

Data de pagamento  Quem recebe 
18 de agosto  Beneficiários com NIS de final 1 
19 de agosto  Beneficiários com NIS de final 2 
20 de agosto  Beneficiários com NIS de final 3 
21 de agosto  Beneficiários com NIS de final 4 
24 de agosto  Beneficiários com NIS de final 5 
27 de agosto  Beneficiários com NIS de final 6 
28 de agosto  Beneficiários com NIS de final 7 
29 de agosto  Beneficiários com NIS de final 8 
30 de agosto  Beneficiários com NIS de final 9 
31 de agosto  Beneficiários com NIS de final 0

Governo anunciar liberação de uma 6ª parcela 

Ainda vivenciando um período intenso de crise econômica, o governo federal informou, nos últimos dias, que está estudando a possibilidade de manter o auxílio emergencial até o mês de dezembro.

Caso a decisão seja validada pelos gestores, ainda em setembro os cadastrados passarão a receber seus salários sociais com os reajustes do coronavoucher.

Entretanto, no que diz respeito ao valor dessa 6ª parcela, ainda não foi divulgado a quantia estabelecida.

Há representantes públicos que defendem manter os atuais R$ 600 e outros que acreditam ser necessário um reajuste para evitar uma crise nos cofres da União. 

Sendo confirmado ou não, o cronograma de pagamentos para o mês de setembro já foi divulgado e deverá seguir as datas abaixo.

Conforme exigem as regras do Ministério da Cidadania, a ordem das liberações permanecerá sendo feitas a partir do número final do NIS. Usando como base o calendário de setembro. 

Final do NIS  Data do pagamento 
1 17 de setembro
2 18 de setembro
3 21 de setembro
4 22 de setembro
5 23 de setembro
6 24 de setembro
7 25 de setembro
8 28 de setembro
9 29 de setembro
0 30 de setembro

Fonte: Caixa

Renda Brasil deverá substituir o Bolsa Família

Além de avaliar prorrogar o auxílio emergencial para esse grupo, o governo federal estuda também a substituição de programas. O Bolsa Família deverá ser encerrado em outubro, tendo em vista que a partir de janeiro começará a funcionar o Renda Brasil.  

O novo projeto é fruto da gestão de Jair Bolsonaro e deseja conceder R$ 300 para os brasileiros de baixa renda ou desempregados. As normas para aceitação e transferência de pessoas do BF para o RB ainda não foram publicadas, mas acredita-se que o projeto será lançado em breve.

 

 

Fonte: FDR

Deixe uma resposta

1 + três =