O homem de 54 anos que atropelou acidentalmente com um caminhão o seu próprio filho de dois anos de idade vai responder pelo crime de homicídio culposo, quando não se tem a intenção de matar, segundo informou a Polícia Civil, que segue investigando o caso. A tragédia chocou as cerca de 5 mil pessoas da pequena cidade paraibana de Monte Herebe. A vítima se chamava Márcio Rian Braga e o acidente aconteceu na manhã desta quinta-feira (29).

O garoto não resistiu aos ferimentos e acabou falecendo no local do atropelamento. O acidente aconteceu quando a criança estava indo ver o pai na garagem. Sem perceber, o homem deu marcha à ré para manobrar o caminhão caçamba e acabou batendo na cabeça do próprio filho. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas ao chegar Márcio Rian já foi encontrado sem vida.